quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Apimec adere ao PRI.org como Network Supporter
A Apimec, Associação dos Analistas e Profissionais de Investimento do Mercado de capitais, alinhada com a sua missão, adere ao PRI - Principles for Responsible Investment,
para auxiliar na promoção dos princípios de investimento responsável na América Latina.

O PRI (ou Princípios para o Investimento Responsável) foi criado, em 2006, pelo então Secretário-Geral das Nações Unidas, Kofi A. Annan, em conjunto com 20 investidores institucionais de 12 países. Foi lançado na NYSE, com a missão de criar um sistema financeiro sustentável. Hoje ele conta com mais de 1.300 signatários, que possuem US$ 59 trilhões de ativos sob gestão. No Brasil, já são 60 signatários, dentre investidores institucionais, gestores e prestadores de serviço.


Aderir ao PRI representa o compromisso dos investidores em integrar os aspectos ESG (Environmental, Social and Governance), na análise de investimentos e monitoramento de ativos e carteiras. Neste contexto, a Apimec, como representante dos analistas e profissionais de investimento do mercado de capitais, adere oficialmente ao PRI como Network Supporter, assumindo o compromisso de promover os 6 princípios (veja aqui) para o investimento responsável que o compõe, perante seus associados, certificados e credenciados.

Uma das inciativas, já iniciada em 2014, é a organização da segunda edição do evento Latino Americano ESG 2015 - “Taking ESG into Account” – Podemos evoluir para uma Economia Sustentável?, que será realizado no dia 06 de outubro.  (http://www.esg-apimecsp-effas.com.br/ ). O objetivo do evento é o de gerar discussões sobre o processo de análise das empresas de capital aberto e outros ativos, levando em consideração os critérios ESG.

“A integração dos aspectos ESG na análise e no monitoramento dos investimentos aprimora a gestão de riscos e melhora os retornos financeiros. Os aspectos ambientais, sociais e de governança corporativa já são observados pelos analistas e gestores, mas na maioria dos casos isso não acontece de forma sistêmica; o que buscamos no PRI é fomentar a análise desse aspecto de forma cada vez mais sistêmica. É um grande desafio, mas o mercado de capitais só tem a ganhar com isso.” Tatiana Assali, Head of South America do PRI.

“Considerar os critérios ESG na análise de investimento é um caminho sem volta, e uma realidade mundial, a exemplo do que vivemos hoje no país com a crise hídrica e energética, além dos problemas de governança em empresas importantes para a economia do país” Eduardo Werneck, Diretor de Educação e Sustentabilidade da Apimec Nacional. 


“Sem dúvida, este compromisso só tem a acrescentar aos analistas de investimentos, ao mercado de capitais e à maior interação com o ambiente externo”, finaliza Reginaldo Alexandre, Presidente da Apimec Nacional.

As duas instituições planejam para este ano ainda, uma agenda de cursos online e workshops, além de dar continuidade ao programa de eventos sobre o tema Investimento responsável para a comunidade de analistas, profissionais de investimento, associados da Apimec e signatários do PRI.

Sobre o PRI:
“O PRI trabalha em conjunto com sua rede internacional de signatários para colocar em prática os seis Princípios para o Investimento Responsável. O objetivo dos Princípios é compreender as implicações nos investimentos dos temas ambientais, sociais e de governança corporativa, além de oferecer suporte para os signatários na integração desses temas em suas decisões de investimento e propriedade de ativos”.

Sobre a Apimec:
A Apimec é uma das instituições mais tradicionais do mercado de capitais com 45 anos de existência. Sua missão é contribuir para o desenvolvimento do mercado de capitais, atuando no desenvolvimento pessoal e na capacitação técnica de analistas e profissionais de investimento. Ela também é autorreguladora, certificando, credenciando e supervisionando estes profissionais em suas diversas especialidades, em âmbito nacional e internacional.  


Ricardo Tadeu Martins - Presidente da Apimec SP
Eduardo Werneck - Diretor de Educação e  Sustentabilidade da Apimec Nacional                               

domingo, 16 de agosto de 2015

Troféu Transparência 2015 – ANEFAC-FIPECAFI-SERASA Experian 

Almoço contou com a presença dos executivos das empresas ganhadoras

Cerca de 120 pessoas estiveram presentes no almoço de divulgação das empresas vencedoras do 19º Troféu Transparência, iniciativa da Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (ANEFAC), em parceria com a Fundação Instituto de Pesquisas Contábeis, Atuariais e Financeiras (FIPECAFI) e Serasa Experian. 

Apresentado pela vice-presidente de eventos da Serasa Experian, Andréia Fernandez, o almoço, que aconteceu em São Paulo, contou com a presença dos principais executivos das 19 empresas ganhadoras da edição de 2015 como Furnas, Vale, Tractebel e CEMIG. 

Para o presidente da ANEFAC, Antonio Carlos Machado, é um orgulho poder realizar o Prêmio, que já homenageou mais de 80 corporações. "O esforço de organização, análise e da comissão julgadora é gigantesco e tudo isso torna o troféu o "Oscar da contabilidade brasileira". Esse ano o nível de avaliação esteve mais crítico, mas a minha percepção é que a sociedade está cobrando um nível de governança e prestação de contas maior pelas empresas." 

O diretor-presidente da FIPECAFI, Welington Rocha, compartilhou o seu sentimento com relação ao exemplo que as empresas ganhadoras do prêmio dão ao mercado. "Ser transparente com a sociedade ajuda a agregar valor a médio e longo prazos para as organizações. Hoje, esse é um trabalho essencial para as empresas”. 

Já o presidente da Serasa Experian, José Luiz Rocha, destacou a trajetória do Troféu Transparência e o momento que vive o país. "O estudo é pioneiro de como a transparência deve ser trabalhada. Nossa missão é enaltecer as empresas corretas e colaborar para uma agenda positiva no Brasil". 

A cerimônia recebeu para uma palestra o professor Eliseu Martins, da FEA/USP e uma das principais referências em contabilidade do Brasil. O especialista explicou aos participantes a importância das corporações trabalharem seus resultados com transparência e os riscos de balanços contábeis que não retratam a realidade. "Para um mercado competitivo, a transparência é fundamental, eleva o crescimento das organizações e diminui o risco de perdas. Precisamos cada vez mais desenvolver a quantidade e a qualidade da transparência nas empresas brasileiras". 

A cerimônia de premiação das empresas vencedoras do 19ª Troféu Transparência acontecerá no dia 24 de setembro, em São Paulo. 

Sobre o 19º Troféu Transparência 
Reconhecer publicamente e homenagear as empresas que demonstram mais clareza na divulgação dos seus balanços contábeis fazem parte do objetivo do Troféu Transparência, iniciativa da Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (ANEFAC) em parceria com a Fundação Instituto de Pesquisas Contábeis, Atuariais e Financeiras (FIPECAFI) e Serasa Experian, cuja cerimônia de premiação acontecerá no dia 24 de setembro, no Espaço Contemporâneo, em São Paulo. 

Para a escolha das empresas finalistas, divididas em três categorias: capital aberto com receita líquida acima de R$ 5 bilhões, capital aberto com receita líquida até R$ 5 bilhões e capital fechado foram analisados cerca de 2 mil balanços de organizações atuantes em território nacional. 

Submetidos à análise e triagem inicial da comissão técnica formada por alunos do curso de Mestrado e Doutorado em Controladoria e Contabilidade da FEA/USP, orientados por professores da Universidade de São Paulo (USP) e, posteriormente, ao crivo do Comitê de Notórios da Comissão Julgadora do Prêmio ANEFAC – FIPECAFI – SERASA EXPERIAN • Troféu Transparência, os demonstrativos financeiros devem conter as seguintes informações: balanço patrimonial; demonstrações dos resultados do exercício; demonstrações das mutações de patrimônio líquido; demonstrações das origens e aplicação de recursos; notas explicativas; demonstrações comparativas; relatórios de administração; parecer dos auditores independentes. 

Empresas ganhadoras: 
Categoria Empresas de Capital Aberto 

Receita Líquida acima de R$ 5 bilhões 
- AES Eletropaulo 
- Ambev 
- CEMIG 
- CSN 
- GERDAU 
- Sabesp 
- USIMINAS 
- Vale 

Receita Líquida até R$ 5 bilhões 
- BM&FBOVESPA 
- COPASA 
- EDP Bandeirante 
- Grendene 
- MAHLE 
- RIACHUELO 
- Taesa 
- Tractebel Energia 

Categoria Empresas de Capital Fechado 
- Eletrobras Eletrosul 
- Eletrobras Furnas 
- Embasa 

quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Veja a agenda da APIMEC SP para o mês de agosto de 2015
No mês de agosto de 2015, a APIMEC SP (Associação dos Analistas e Profissionais de Investimento do Mercado de Capitais) realizará reuniões públicas com empresas e promoverá cursos. A seguir, apresentamos a programação:
05/08/2015 – 9h
Reunião Apimec SP com a MARCOPOLO (Nível 2)
Local: Hotel Blue Tree Faria Lima (Av. Brigadeiro Faria Lima, 3989 – Itaim – São Paulo)
Confirmação de presença até 04/08: apimecsp@apimecsp.com.br
Credenciamento de jornalistas até 04/08: paula@digitalassessoria.com.br
17/08/2015 – 19h
16º Curso Valuation – Avaliação de Empresas
Início das aulas: 17/08/2015
Horário: 19h as 22h30
Local: auditório da APIMEC SP (Rua Líbero Badaró, 300 – 2º andar – Centro – São Paulo)
Inscrições até 05/08: eventos@apimecsp.com.br ou (11) 3107-1571
Investimento:
Associados APIMEC: R$ 600,00
Associados das entidades apoiadoras*: R$ 1.200,00
Não associados: R$ 1.400,00
Este curso concede até 3,5 crédito para o Programa de Educação Continuada (PEC) da APIMEC.
* Entidades apoiadoras: Abrapp/Abrasca/Abvcap/BraIn/IBGC/Ibri/Portal Acionista
VAGAS LIMITADAS – Sujeito a formação de turma.
18/08/2015 – 9h
Reunião Apimec SP com a COPEL (Nível 1)
Local: Hotel Blue Tree Faria Lima (Av. Brigadeiro Faria Lima, 3989 – Itaim – São Paulo)
Confirmação de presença até 17/08: apimecsp@apimecsp.com.br
Credenciamento de jornalistas: paula@digitalassessoria.com.br 
19/08/2015 – 16hReunião Apimec SP com a ELETROBRÁS (Nível 1)Local: Hotel Maksoud Plaza (Alameda Campinas, 150 – Bela Vista – São Paulo)
Confirmação de presença até 18/08: apimecsp@apimecsp.com.br 
Credenciamento de jornalistas: paula@digitalassessoria.com.br
24/08/2015 – 19h
XI Curso Preparatório para o Exame CNPI – Certificado Nacional do Profissional de Investimento
Início das aulas: 24/08/2015
Horário: 19h às 22h
Local: auditório da APIMEC SP (Rua Líbero Badaró, 300 – 2º andar – Centro – São Paulo)
Investimento: 
Associados APIMEC: R$ 1.800,00
Associados dos apoiadores*: R$ 3.900,00
Não associados: R$ 4.700,00
* Apoiadores: Abrapp/Abrasca/Abvcap/BraIn /IBGC/Ibri
Informações e inscrições até 14/08: eventos@apimecsp.com.br ou (11) 3107-1571
Este curso concede até 23 créditos para o Programa de Educação Continuada (PEC) da APIMEC.
VAGAS LIMITADAS – Sujeito a formação de turma.
Sobre a Apimec SP: Associação estimula e apoia ações que fomentem os mercados financeiro e de capitais brasileiros, além de preparar os profissionais do setor (analistas de investimentos, de crédito e de risco; administradores de fundos e carteiras de investimentos; analistas e estrategistas econômicos) para liderar o processo de desenvolvimento destes mercados.
Acompanhe a programação de eventos e reuniões da Apimec SP em www.apimecsp.com.br.


FONTE Apimec SP

quarta-feira, 29 de julho de 2015

Apimec SP divulga agenda de eventos
e reuniões para o mês de agosto

No mês de agosto, a APIMEC SP (Associação dos Analistas e Profissionais de Investimento do Mercado de Capitais) realizará reuniões públicas com empresas e promoverá cursos. A seguir, apresentamos a programação:

05/08/2015 – 9 horas
Reunião Apimec SP com a MARCOPOLO (Nível 2)
* Na ocasião, a empresa receberá Selo Assiduidade Apimec SP Ouro 14 Anos.
Local: Hotel Blue Tree Faria Lima
Endereço: Av. Brigadeiro Faria Lima, 3989 – Itaim – São Paulo/SP
Confirmação de presença até 04/08: apimecsp@apimecsp.com.br
Credenciamento de jornalistas até 04/08/2015: paula@digitalassessoria.com.br

17/08/2015 – 19 horas
16º Curso Valuation – Avaliação de Empresas
Início das aulas: 17/08/2015
Horário: 19h as 22h30
Local: auditório da APIMEC SP
Endereço: Rua Líbero Badaró, 300 – 2º andar – Centro – São Paulo/SP
Inscrições até 05/08: eventos@apimecsp.com.br ou (11) 3107-1571
Investimento:
Associados APIMEC: R$ 600,00
Associados das entidades apoiadoras*: R$ 1.200,00
Não associados: R$ 1.400,00
Este curso concede até 3,5 crédito para o Programa de Educação Continuada (PEC) da APIMEC.
* Entidades apoiadoras: Abrapp/Abrasca/Abvcap/BraIn/IBGC/Ibri/Portal Acionista
VAGAS LIMITADAS – Sujeito a formação de turma.

18/08/2015 – 9h
Reunião Apimec SP com a COPEL (Nível 1)
* Na ocasião, a empresa receberá o Selo Assiduidade Apimec SP Ouro 12 Anos.
Local: Hotel Blue Tree Faria Lima
Endereço: Av. Brigadeiro Faria Lima, 3989 – Itaim – São Paulo/SP
Confirmação de presença até 17/08: apimecsp@apimecsp.com.br
Credenciamento de jornalistas: paula@digitalassessoria.com.br

24/08/2015 – 19 horas
XI Curso Preparatório para o Exame CNPI – Certificado Nacional do Profissional de Investimento
Início das aulas: 24/08/2015
Horário: 19h às 22h
Local: auditório da APIMEC SP
Endereço: Rua Líbero Badaró, 300 – 2º andar – Centro – São Paulo/SP
Investimento: 
Associados APIMEC: R$ 1.800,00
Associados dos apoiadores*: R$ 3.900,00
Não associados: R$ 4.700,00
* Apoiadores: Abrapp/Abrasca/Abvcap/BraIn /IBGC/Ibri
Informações e inscrições até 14/08: eventos@apimecsp.com.br ou (11) 3107-1571
VAGAS LIMITADAS – Sujeito a formação de turma.
Este curso concede até 23 créditos para o Programa de Educação Continuada (PEC) da APIMEC.

Sobre a Apimec SP: a Apimec SP visa estimular e apoiar ações que fomentem os mercados financeiro e de capitais brasileiros. A Associação prepara os profissionais do setor (analistas de investimentos, de crédito e de risco; administradores de fundos e carteiras de investimentos; analistas e estrategistas econômicos) para liderar o processo de desenvolvimento destes mercados.

Acompanhe a programação de eventos e reuniões da Apimec SP em www.apimecsp.com.br.

domingo, 19 de julho de 2015

FIPECAFI apoia realização do evento “IFRS Conference”

A FIPECAFI (Fundação Instituto de Pesquisas Contábeis, Atuariais e Financeiras) apoiou a realização do evento “IFRS Conference”.  O evento ocorreu, nos dias 22 e 23 de junho de 2015, no Hotel Golden Tulip Park Plaza, em São Paulo (SP) e foi realizado pelo Informa Group.
No dia 22 de junho de 2015, a partir das 12:20, o Prof. Edmir Lopes de Carvalho, realizou palestra no painel “Subcontas do Ajuste a Valor Justo (AVJ): entenda as novas regras de controle e seus impactos na apuração do lucro real”. No dia 23 de junho de 2015, a partir das 09 horas, o Professor Eduardo Flores realizou a palestra “IFRS 9: A Nova Norma de Instrumentos Financeiros”. No mesmo dia, às 10:30, a Professora Marta Pelucio, Professora da FIPECAFI, participou da palestra: “COMPLIANCE e IFRS: Abordagem Prática a Efetividade do Compliance e como atender todos os CPCs atrelados ao IFRS para não gerar multa e ferir o Compliance da Empresa”.
O Professor Eric Martins participou, a partir das 14 horas do dia 23 de junho de 2015, do workshop “Aprovada em 2014, com Implementação Prevista para 2017 e com data para entrar em vigor em 2018, a IFRS 15 traz grandes impactos para o universo do empresariado”. No workshop, o Prof. Eric Martins apresentou possíveis impactos da norma em diversos setores empresariais; Ayres Fernandes da Silva Moura, sócio da EY, reforçou os aspectos técnicos da IFRS 15 já aprovada e que entra em vigor em 2018, e Tatiana Renó, gerente de contabilidade da EMBRAER, apresentou o caso específico da companhia e como a empresa aérea está se preparando para a adoção da norma IFRS 15.

“A IFRS Conference foi excelente maneira de se manter atualizado e verificar o que há de mais novo e relevante no contexto das normas contábeis internacionais”, declarou o Professor Eric Martins.



segunda-feira, 6 de julho de 2015

17º Encontro Nacional de Relações com Investidores debate Mercado de Capitais, Comunicação, Governança Corporativa e Gestão de Crise

A 17ª edição do Encontro Nacional de Relações com Investidores e Mercado de Capitais, evento promovido pelo IBRI (Instituto Brasileiro de Relações com Investidores) e pela ABRASCA (Associação Brasileira das Companhias Abertas) abordará temas como a Comunicação, perspectivas para o atual mercado de capitais, targeting, gestão de crise, planejamento estratégico, bem como questões relacionadas à Governança Corporativa. O Encontro acontece nos dias 14 e 15 de julho de 2015, na FECOMERCIO, Rua Dr. Plinio Barreto, 285, em São Paulo (SP).

Serviço: 17º Encontro Nacional de Relações com Investidores e Mercado de Capitais
Datas: Dia 14 de julho de 2015 – terça-feira - 08:30 -18:00
Dia 15 de julho de 2015 – quarta-feira - 09:00  -18:00
Local: FECOMERCIO
Rua Dr. Plinio Barreto, 285 – Bairro Bela Vista - São Paulo - SP

  
O Encontro Nacional é palco de debates importantes para a profissão de RI e também para o amadurecimento do mercado de capitais local.
O 17º Encontro Nacional de Relações com Investidores e Mercado de Capitais é patrocinado pelas empresas: Banco do Brasil, Bloomberg, BM&FBOVESPA, BNY Mellon, Bradesco, CEMIG, Chorus Call, Deloitte, Deutsche Bank, Diligent Board Member Services, Economatica, GreenbergTraurig, Itaú Unibanco, J.P. Morgan, MZ, Oliveira Trust, Petrobras, RIWeb, RR Donnelley, Sabesp, Sherpany, SulAmérica, TheMediaGroup, VALE, Valor Econômico e Wittel.
Mais informações acesse: http://www.encontroderi.com.br/17/index.htm
A seguir acompanhe a programação do evento:
Dia 14 de julho de 2015 – terça-feira
08:30 – 09:00 - Abertura
- Leonardo Pereira, Presidente da CVM (Comissão de Valores Mobiliários)
 - Antonio Castro, Presidente da ABRASCA (Associação Brasileira das Companhias Abertas)
 Geraldo Soares, Presidente do Conselho de Administração do IBRI (Instituto Brasileiro de Relações com Investidores)
09:00 – 10:00 - Painel 1 : A comunicação da empresa com o mercado de capitais e a participação dos conselheiros de administração no processo. O uso da informação ao longo do tempo e os efeitos na evolução da empresa.
Moderador: Geraldo Soares, Presidente do Conselho de Administração do IBRI
Debatedores:
- Leonardo Pereira, Presidente da CVM
- Osvaldo Schirmer, Presidente do Conselho de Administração da Lojas Renner
- José Luciano Penido, Presidente de Conselho de Administração da Fibria
10:00 – 10:30 - Q&A
10:30 – 11:00 - Coffee Break
11:00 – 11:30 - Palestra - O Mercado de Capitais atual: expectativas, recomendações para as empresas, em particular sobre as atitudes de comunicação com o mercado.
- Roberto Teixeira da Costa, Membro do Conselho de Administração da SulAmérica
11:30 – 12:00 - Q&A
12:00 – 12:45 - PAINEL 2 - – Governança IFRS: a participação brasileira atual e a importância para a comunidade financeira.
Moderador: René Martins, Diretor de Relações com Investidores do Grupo Globo
- Maria Helena Santana, Trustee da IFRS (International Financial Reporting Standards) Foundation
- Amaro Gomes, Board Member do IASB (International Accounting Standards Board)
12:15 - 13:15 - Coletiva de Imprensa - Estudo IBRI – Deloitte: “Governança Corporativa e a área de Relações com Investidores – Uma nova era no engajamento com os investidores”.

13:15 – 14:30 - Almoço
14:30 – 15:30 - PAINEL 3 - Governança Corporativa em RI em tempos de crise
Moderador: Rodrigo Lopes da Luz, Presidente da Diretoria Executiva do IBRI
Debatedores:
- Maria Isabel Bocater, Sócia do escritório Bocater, Camargo, Costa e Silva Advogados
- Daniela Bretthauer, Diretora Adjunta de Relações com Investidores da Magazine Luiza
- Luzia Hirata, Analista do Santander Asset Management
15:30 – 16:00 - Q&A
16:00 – 16:30 - Coffee Break
16:30 – 17:30 - PAINEL 4 – Gestão de Crise e Pesquisa IBRI-Deloitte: “Governança Corporativa e a área de Relações com Investidores – Uma nova era no engajamento com os investidores”.
Palestrante:
- Bruce Mescher, Sócio da Deloitte
Debatedores:
- Ross Kaufman, Sócio da GreenbergTraurig
 - André Gargaro, Sócio de Soluções para Gestão Integrada de Crises da Deloitte
- André Luiz Gonçalves, Gerente Geral de Relações com Investidores da Fibria
17:30 – 18:00 - Q&A e encerramento dos trabalhos do dia.

Dia 15 de julho de 2015 – quarta-feira
09:00 – 10:00 - PAINEL 5: Targeting – acesso aos mercados desenvolvidos e as experiências em superar as dificuldades no atual cenário macroeconômico.
Moderador: Antonio Castro, Presidente da ABRASCA
- Fabio Cefaly, Gerente de RI da Natura
- Nuno da Silva, Vice-Presidente do BNY Mellon – acesso aos investidores internacionais
- Bernardo Rothe, Gerente Geral de Relações com Investidores do Banco do Brasil
10:00 – 10:30 - Q&A           
10:30 – 11:00 - Coffee Break
11:00 – 12:00 - PAINEL 6 - Divulgação de resultados trimestrais e anuais. Sua eficácia e propostas para discussão
Moderador: Lélio Lauretti, Membro do Conselho da ABRASCA e do Comitê Superior de Orientação, Nomeação e Ética do IBRI
Debatedores:
- Guilherme Luiz Nahuz, Superintendente de RI da SulAmérica
- Luiz Felix Cavallari Filho, Gestor de Renda Variável - fundos SRI (Social Responsible Investment) e Governança Corporativa da Itaú Asset Management
- Marcel Moraes, Analista do Deutsche Bank (*)
12:00 – 12:30 – Q&A
12:30 – 13:15 – Palestra de Jim Cudahy, Presidente do NIRI (National Investor Relations Institute)
Moderador: Ricardo Florence, Vice-Presidente do Conselho de Administração do IBRI
13:15 – 14:30 - Almoço
14:30 – 15:30 - PAINEL 7 - A contribuição do RI para o Planejamento Estratégico da companhia
Moderador: Mauro Rodrigues da Cunha, Presidente da AMEC (Associação de Investidores no Mercado de Capitais)
- Tiago Curi Isaac, Superintendente de Relações com Empresas da BM&FBOVESPA
- Edmar Lopes, Vice-Presidente de Finanças e RI da GOL
- André Cazzoto, Gerente de RI da Cielo
15:30 – 16:00 - Q&A
16:00 – 16:30 - Coffee Break
16:30 – 17:30 - Palestra de encerramento
- Alexandre Schwartsman, Economista
17:30 – 18:00 - Encerramento
- Antonio Castro, Presidente da ABRASCA
- Rodrigo Lopes da Luz, Presidente da Diretoria Executiva do IBRI

Serviço: 17º Encontro Nacional de Relações com Investidores e Mercado de Capitais
Datas: Dia 14 de julho de 2015 – terça-feira - 08:30 -18:00
Dia 15 de julho de 2015 – quarta-feira - 09:00  -18:00
Local: FECOMERCIO

Rua Dr. Plinio Barreto, 285 – Bairro Bela Vista - São Paulo - SP

domingo, 5 de julho de 2015


FIPECAFI participa da solenidade de premiação da revista Exame “Melhores & Maiores”

O Prof. Dr. Ariovaldo dos Santos, membro do Conselho Curador da FIPECAFI (Fundação Instituto de Pesquisas Contábeis, Atuariais e Financeiras) e Coordenador Técnico da pesquisa para a revista Exame “Melhores e Maiores”, representou a Fundação na solenidade de entrega de prêmios, na noite de 1º de julho de 2015, no Clube Atlético Monte Líbano, em São Paulo (SP).

Empresa do Ano - A WEG, fabricante catarinense de motores elétricos, mereceu o prêmio de “Empresa do Ano” na 42ª edição especial da revista Exame “Melhores & Maiores”. Alexandre Caldini, presidente executivo da Editora Abril, entregou o Prêmio, na ocasião, para Décio Silva, presidente do Conselho de Administração da WEG, Harry Schmelzer Jr., presidente executivo da WEG.

A premiação destacou empresas em 18 setores da economia. Para chegar ao resultado, a FIPECAFI (Fundação Instituto de Pesquisas Contábeis, Atuariais e Financeiras) considerou o resultado econômico das empresas em 2014 e analisou comparativamente o desempenho delas dentro de seu segmento.


A WEG, grande premiada da noite, viu suas ações se valorizarem em 31% e seu valor de mercado chegar na faixa dos R$ 30 bilhões num ano difícil como o de 2014. Uma das maiores fabricantes de motores elétricos do mundo, a empresa fundada em Jaraguá do Sul (SC) atua em 100 países e detém participação de 14% do mercado estadunidense.

O presidente da WEG, Harry Schmelzer Jr., ressaltou que a conquista do prêmio foi construída ao longo da história da empresa. “Desde o primeiro dia valorizamos o domínio da tecnologia, a conquista permanente de mercado e o desenvolvimento de pessoas. Estamos avançando continuamente nossa atuação no mercado internacional nossos investimentos em tecnologia, não só em geradores, mas também em energias renováveis como a energia eólica e solar.”

Depois da premiação máxima, o presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, discursou sobre o momento atual vivido pela economia brasileira e demonstrou confiança no sucesso do controle inflacionário.

Confira abaixo a lista de­­­­ todas as empresas premiadas da revista Exame “Melhores & Maiores” - Julho 2015:

Atacado: Ipiranga
Autoindústria: Randon
Bens de Capital: WEG
Bens de Consumo: Natura
Eletroeletrônico: Whirlpool
Energia: Comerc
Farmacêutico: Roche
Indústria da Construção: Votorantim Cimentos
Indústria Digital: Totvs
Mineração: Samarco
Papel e Celulose: Klabin
Química e Petroquímica: Innova
Serviços: Cielo
Siderurgia e Metalurgia: CBMM
Telecomunicações: Telefônica|Vivo
Têxteis: Hering
Transporte: JSL
Varejo: Lojas Americanas
Empresa do Agronegócio: Klabin

Conclusões da pesquisa:
O levantamento aferiu que, em 2014, apenas o agronegócio escapou da crise. O lucro conjunto das 400 empresas do agronegócio cresceu 35,5%, alcançando US$ 4,7 bilhões líquidos. Por outro lado, a análise das 500 maiores empresas aponta para queda de 34% nos lucros. No entanto, quando a Petrobras é excluída dessa conta, o resultado se inverte: o lucro das demais cresceu 12%. O ano também foi marcado por um recorde negativo: nunca na série histórica da pesquisa nossas maiores empresas estiveram tão endividadas. As dívidas somaram R$ 661 bilhões, valor 9,3% superior ao montante da dívida em 2013.

Critérios
A escolha das melhores empresas do ano em 18 setores da economia (atacado, autoindústria, bens de capital, bens de consumo, eletroeletrônico, energia, farmacêutico, indústria da construção, indústria digital, mineração, papel e celulose, química e petroquímica, serviços, siderurgia e metalurgia, telecomunicações, têxteis, transporte, varejo) é orientada pelo sucesso que essas empresas obtiveram na condução de seus negócios e na disputa de mercado com as concorrentes no ano que passou comparativamente ao exercício anterior. O critério para avaliar o sucesso é basicamente uma comparação dos resultados obtidos em termos de crescimento, rentabilidade, saúde financeira, participação de mercado e produtividade do empregado. A metodologia consiste em atribuir pontos pelo desempenho relativo em cada indicador (crescimento em vendas, liderança de mercado, liquidez corrente, rentabilidade de patrimônio e riqueza criada por empregado).
A pesquisa EXAME Melhores & Maiores é feita com a avaliação de dados de mais de 3 mil empresas, além dos maiores grupos privados do país. O conjunto compreende todas as demonstrações contábeis cujo prazo final para publicação vai até maio. Também abrangem as companhias limitadas que enviaram seus dados para análise da equipe e responderam questionários.